Um blog sobre Estados Unidos, Brasil e pensamentos aleatórios. Have fun!

Who read my blog until now?

United States, Brazil, Portugal, United Kingdom, Germany, France, Japan, Ireland, Canada, Netherlands, Turkey and Uruguay.
Aperte Ctrl + para aumentar o texto e Ctrl - para diminuí-lo.

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Por enquanto, agora!

Numa fase de conquistas e de renovação, fico pensando se teria feito tudo o que fiz se ainda estivesse solteira, curtindo a vida e aprontando como fazia antigamente. Acredito que todos nós temos nossas fases. Depois de viver intensamente cada minuto da minha vida individualmente, aprendi a conviver casada e mudar radicalmente certas situações. Se isso é natural, eu não sei dizer. Mudei, ah como mudei. Passei a ser mais família, a selecionar as pessoas que me fazem bem e fui atrás de conquistas sólidas. Um bom emprego, um casamento e as conquistas materiais que sei que essas sim, fazem parte da vida natural. Deixei de lado muitas coisas, mas vejo que hoje tudo se renovou. Sigo um novo caminho, uma nova trajetória e não me arrependo. É aquela coisa, "quem te faz bem, permanece". Mesmo que distante de pessoas, sigo meu caminho me renovando dia após dia e hoje colho frutos maravilhosos. Dia desses conquistei minha casa própria, não comprei uma bicicleta ou um pacote de viagens, mas sim o lugar onde posso dizer que é meu. Foram tempos de luta, de reconhecimento e hoje me sinto realizada. Sempre quis ter uma vida estabelecida e hoje, cercada das pessoas que me inspiram pra isso, digo que consegui. Agradeço a Deus por me livrar de todo o mal e me mostrar as coisas boas da vida numa vida a dois e com pessoas que são cheias de energia positiva e que empurram pra frente. Aquela história de "um dia" aconteceu. Me sinto amada quando acordo, no meu dia-a-dia e quando vou dormir com a frase "quero viver com você por toda a minha vida". Chega de "lenga lenga" desse papo de amor. Pra falar do que fiz ou deixei de fazer, você tem que no mínimo, ter vivido parte do que vivi. E isso acho meio improvável, afinal cada um traça sua história como imaginar. Uns preferem viver sozinhos e são felizes. Mas penso no dia de amanhã. Ame. Ame sem dó e sem preocupações. Viva cada segundo como se o fim estivesse ali. O amanhã pode ser um dia escuro e isso não desejo e nunca desejei a ninguém. Gostaria de compartilhar a felicidade que me encontro e desejar a todos um caminho repleto de paz. Todos nós temos personalidades e vivemos na guerra de nos encaixar perfeitamente na vida cotidiana, mas quando se tem felicidade, sozinho ou não, isso significa que lutamos por este momento e que não deve jamais ser esquecido. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!

M's